Bastter.com - FII - Fundos de Investimento Imobiliários - BM Cyrela Thera Corporate (THRA11B)

Fundos de Investimento Imobiliários

Peça comentários de sua carteira de FIIs pelo Bastter System > Patrimônio > FIIs!

Rapidinha dos FIIs

BM Cyrela Thera Corporate
THRA11B
Dispónível para assinantes!
Dispónível para assinantes!
Dispónível para assinantes!
Prédio / Laje
Vacância
11/8/2011
2/12/2011
102.236.772,22
1.472.728
13.966.653/0001-71
69,41
BTG PACTUAL SERVIÇOS FINANCEIROS S/A DTVM
Rodrigo Costa Mennocchi
O FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO BM CYRELA THERA CORPORATE - FII, foi constituído sob a forma de condomínio fechado, com prazo de duração indeterminado, por seu regulamento e pelas disposições legais e regulamentares que lhe forem aplicáveis.
Download
Download
Dados do Fundo


6 voto(s)
7 voto(s)
7 voto(s)
7 voto(s)
Só Assinante!
Incluir no TSDB Apenas para Bastter Blue!

Objetivo e Política de Investimento do Fundo

O objeto do FUNDO é a aquisição das futuras unidades autônomas denominadas de conjuntos n° 31, 32, 41, 42, 161, 162, 171, 172, 181 e 182, com as respectivas vagas de garagem e as respectivas frações ideais do terreno, os quais integrarão o SUBCONDOMÍNIO “THERA CORPORATE” – SETOR B, integrante do empreendimento imobiliário denominado CONDOMÍNIO “THERA ONE”, a ser construído sobre terreno situado na Avenida Luís Carlos Berrini, s/no, na cidade de São Paulo, SP, unidades estas de propriedade da empresa Cyrela Roraima Empreendimentos Imobiliários Ltda, com a finalidade de venda, locação típica ou atípica built to suit, arrendamento ou exploração do direito de superfície das unidades comerciais, podendo, ainda, ceder a terceiros os direitos e créditos decorrentes da sua venda, locação, arrendamento e direito de superfície dessas unidades, além de outros Ativos-Alvo elencados no artigo 4º do Regulamento do Fundo. O FUNDO terá por política básica realizar investimentos imobiliários de longo prazo, objetivando, fundamentalmente: (i) auferir receitas por meio de venda, locação, arrendamento ou exploração do direito de superfície do Imóvel- Alvo e demais imóveis integrantes do seu patrimônio imobiliário, podendo, inclusive, ceder a terceiros tais direitos, não sendo objetivo direto e primordial obter ganho de capital com a compra e venda de imóveis ou direitos a eles relativos; (ii) auferir rendimentos advindos dos demais ativos que constam no artigo 4º do Regulamento do Fundo.

Política de Distribuição de Resultados

O FUNDO deverá distribuir a seus cotistas, no mínimo, 95% (noventa e cinco por cento) dos resultados auferidos, apurados segundo o regime de caixa, com base em balanço semestral encerrado em 30 de junho e 31 de dezembro de cada ano. O resultado auferido num determinado período será distribuído aos cotistas, mensalmente, até o 10º (décimo) dia útil do mês subsequente ao recebimento da receita, a título de antecipação dos resultados a serem distribuídos. Eventual saldo de resultado porventura não distribuído terá a destinação que lhe der a Assembleia Geral de Cotistas, com base em proposta e justificativa apresentada pela ADMINISTRADORA.

Disponível para membros Bastter Blue. Clique aqui e saiba como se tornar membro.

Bastter Rating pelo Segmento Dispónível para assinantes!.

Não é indicação de compra. Rating feito pelos usuarios Bastter.com

Liquidez diária dos últimos 12 meses

 
20/05/2016 às 10:32
Fato Relevante 20/05/16
"FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO - FII CYRELA THERA CORPORATE
CNPJ/MF N.º 13.966.653/0001-71

FATO RELEVANTE
A BTG PACTUAL SERVIÇOS FINANCEIROS S.A. DTVM, instituição financeira, com sede na Cidade
e Estado do Rio de Janeiro, localizada à Praia de Botafogo, 501, 5º Andar (Parte), Torre
Corcovado, Botafogo, Rio de Janeiro, Brasil, CEP 22250-040, inscrita no CNPJ/MF sob o nº
59.281.253/0001-23, devidamente credenciada na Comissão de Valores Mobiliários (“CVM”)
como administradora de carteira, de acordo com o Ato Declaratório CVM nº 8.695, de 20 de
março de 2006, na qualidade de instituição administradora do FUNDO DE INVESTIMENTO
IMOBILIÁRIO - FII CYRELA THERA CORPORATE (“Fundo”), nos termos do artigo 31 do
regulamento do Fundo, informa a seus cotistas e ao mercado em geral ter recebido, em 19 de
maio de 2016, proposta para venda do único ativo do fundo, sendo os andares 3º, 4º, 16º, 17º
e 18º do Edifício Thera, pelo valor de R$ 100.568.520,00 (cem milhões, quinhentos e sessenta
e oito mil, quinhentos e vinte reais).

A proposta será avaliada pela Administradora, sendo certo que o mercado será devidamente
informado quanto a eventuais desdobramentos e definições que venham a ser formalizados
entre as partes."



https://fnet.bmfbovespa.com.br/fnet/publico/visualizarDocumento?id=679
Ir p/ o Fim
 
20/05/2016 às 10:42
Casualmente já faz 2 semanas que o valor da cota ficou bem próximo do valor que os cotistas receberão se a oferta for aceita...
 
20/05/2016 às 10:53
Entendi bem de um possível takeover?
 
20/05/2016 às 10:57
Takeover clássico... rsrsrs
 
20/05/2016 às 11:07
1.472.728 cotas
Sendo o preço 100.568.520 então teremos: R$ 68 reais por cota.
Meu PM é 87
O consolo é que tenho apenas 7500 reais investidos.
Sou a favor da venda.
 
20/05/2016 às 11:18
O meu consolo é que tenho 1 dúzia.

:-)
 
20/05/2016 às 11:21
Sazón,
qual o seu PM ?
 
20/05/2016 às 11:57
108,00

:-(
 
20/05/2016 às 16:21
A subida dos preços pode ter sido o próprio comprador adquirindo a um preço abaixo da proposta que ele ofertou....
 
21/05/2016 às 00:12
FII é complicado.

Se fez bobagem e comprou na alta mesmo com a intenção de longo prazo, dança.

Ao passar pela baixa vem alguem e te tira o imóvel, justamente na baixa.

Por isso que FII é FII e imóvel é imóvel.

E cuidado ao pensarem no PM. Pensem no PM corrigido pela inflação para ver o tamanho do prejuízo real.

Estao pagando praticamente a metade do custou no lançamento.
 
21/05/2016 às 00:23
Se me lembro foi lançado +/- em 2012.

Valor de Emissão: R$ 136.824.700,00

Corrigido digamos por uns 8% aa daria R$186milhoes ou preço por cota de uns R$130,00.
 
21/05/2016 às 09:18
Ron68,

Ninguém "tira" o imóvel de ninguém.
Alguém faz uma oferta pela aquisição do imóvel. Quem é o dono do imóvel? O fundo. Quem decide pelo fundo? A assembleia. Como a assembleia decide? Por votação.

Quem entra em um FII tem que estar ciente de todos os riscos, inclusive o risco de ser vencido em uma votação em assembleia. Não tem novidade nenhuma nisso.

É igual quem vai morar em um condomínio. Você pode querer fazer uma obra para melhorar alguma coisa e o resto dos condôminos não. Ou vice-versa e você ser obrigado a pagar cota extra de obra que não queria.

E nunca temos como saber se o momento presente é alta ou baixa. Isso só saberemos depois e conforme o "zoom" que dermos no gráfico.
 
21/05/2016 às 14:33
1. Quem sabe como o processo de take over acontece, concorda comigo que sim, um agente externo é capaz de tirar o imóvel do fundo e liquidar o FII à revelia dos cotistas minoritários. O que não acontece com um imóvel fisico. Voce pode comprar e segurar para voce por quanto tempo quiser. Isso é importante mostrar para as pessoas para que elas não vejam em FIIs baratos oportunidade de valorização, pois alguem pode abortar o seu plano no meio do caminho.

2. Já faz pelos menos uns 2 anos que sei como funcionam os FII's, mas não sabia em 2012.

3. Sim, temos elementos que indicam um momento de baixa - um deles muito forte é o nível de vacância. Observe como era em 2012 e o como está agora em 2016. Estamos no meio de uma recessão e incertezas econômicas. É lógico que o preço dos ativos será baixo. O futuro não é previsível, mas não concordo com a idéia de que tudo é absolutamente imponderável.
 
21/05/2016 às 15:05
Usei palavras populares...Mas para que não fiquem dúvidas, quando eu digo que alguem "tira" o imóvel do minorirário quero dizer: "o minoritário tem o voto vencido pelo voto de um majoritário que propoe a venda do imóvel em uma assembléia. Desta forma o minoritario nao quer vender o imovel, mas é obrigado a fazê-lo pelo voto da maioria".
 
21/05/2016 às 16:32
Certamente a falta de autonomia decisória é uma das desvantagens de se investir em FIIs em comparação com o investimento direto em imóveis. Sempre comento isso.

Só pra lembrar: no caso específico, não há nenhuma venda sendo proposta por um majoritário. Alguém quer comprar o prédio e o administrador deve levar esse caso para decisão dos "donos".

Além disso, atualmente, não é possível um "take-over de dentro", como ocorrido em outros momentos, já que a nova redação da ICVM 472, alterada pela ICVM 571, impede o voto de cotistas em conflito de interesse com o fundo.
 
25/05/2016 às 10:15
Sou a favor da venda. Muito melhor ter fundo imobiliário, do que ter que administrar alugueis. Fora que não pagamos imposto de renda. Vou ter lucro comprei essas ações na baixa.
 
25/05/2016 às 22:24
Com a palavra...Sr. pica das galaxias...rsrs...aquele q v tudo, só não consegue ver que estará vendendo na hora errada e a preço baixo(independente de lucro)...
Não precisa ser genio pra saber que a hora ideal será quando a economia estiver recuperada e totalmente alugado...até lá vivemos do aluguel.

Abraço,
 
26/05/2016 às 10:03
Só pra esclarecer: se tiver lucro, vai pagar IR.
 
26/05/2016 às 10:19
@Nod

Nessas situações de Takeover, normalmente a assembleia vota pelo sim?

O THRA11B em minha visão esta começando a ter resultados. Ja tem quatro inquilinos. Mesmo com alugueis subsidiados e com carência, é um imóvel de alto padrão, bem localizado e que tem potencial no longo prazo.

Vender hoje, a R$ 69, é 30% abaixo do lançamento, isso sem contar a inflação e custo de oportunidade.

Se em toda crise ocorrer a venda dos imóveis dos FIIs, image a destruição de patrimônio que vai ser.

A Administradora deveria se esforçar para manter esse FII, ate mesmo convencendo seus cotistas, ajustando custos, taxas de adm, etc.

Acho que esse tema interessante para um chat @Nod.
Quem investe em FIIs pensa no longo prazo, não em se desfazer de seu ativo em 4 anos, em plena crise sistêmica.
 
26/05/2016 às 10:32
Que inquilinos são estes?
Quando termina a carência?
Cadê estas informações?
 
26/05/2016 às 10:37
O histórico de take-overs é demasiadamente curto para que possamos traçar um comportamento médio das assembleias sobre o tema.

E há uma diferença fundamental agora: não é permitido o "take-over hostil". Até a entrada em vigor da ICVM 572, aconteceu o seguinte:
- Alguém interessado em comprar o imóvel começava comprando cotas do fundo
- Quando juntava uma posição confortável, fazia uma proposta de compra pelo imóvel.
- Na assembleia, a proposta já tinha muitos votos favoráveis (os dele), o que facilitava a aprovação.

Hoje em dia, cotistas em conflito de interesse não podem votar, o que impede esse tipo de take-over.

Mas, sim, investir em FIIs envolve ser parte de um condomínio e que sempre há o risco de você ser vencido em alguma assembleia. Você não tem autonomia de decisão.

Podemos fazer um chat disso. Vou deixar anotado.
 
26/05/2016 às 10:46
Salompas,

Os quatro inquilinos estão listados no relatório gerencial: Fundos.NET

O administrador não comunicou valores de aluguel ou períodos de carência para não atrapalhar negociações (como é rotineiro em fundos mono-imóveis). A única informação que há é:
"A administradora informa que, considerando a projeção atual de despesas e receitas do fundo, e levando-se em conta as condições e os valores estabelecidos nos contratos de locação firmados, não há perspectiva de ocorrer distribuição de rendimentos aos cotistas do fundo, ao menos, até o final do primeiro semestre de 2016. A administradora comunicará aos cotistas e ao mercado, caso receba informações que alterem este cenário."
 
26/05/2016 às 10:59
@salompas

Inquilinos hoje:

Cipasa Desenvolvimento Urbano S/A
International Paper
CEVA LOGISTICS LTDA
ERM Brasil Ltda.


70% Ocupado
30% Vago.


https://fnet.bmfbovespa.com.br/fnet/publico/downloadDocumento?id=367


A carência é possível ate 2018. Ou seja, pelo que eu entendi ate la nao pagam nada.

As revisionais estão para 2020 e 2025.


Para relembrar:

Ate Maio a vacância era 100%

Relatorio: https://www.mzweb.com.br/btgpactualfundos/web/download_arquivos.asp?id_arquivo=7F68F63F-7551-4C47-B1BE-66460424E3FD

Em Junho ja haviam 3 locatarios e um aviso sobre carencia:

Relatorio:
https://www.mzweb.com.br/btgpactualfundos/web/download_arquivos.asp?id_arquivo=189D3047-7075-4120-A50F-CE09E58C664E
 
26/05/2016 às 11:04
@Nod

Esse risco de "takeover branco" é real e vale mesmo um chat para explicar sobre isso.

O pior é que querem um valor próximo ao patrimonial, o qual já sofreu várias revisionais e diminuição por conta de saída de caixa para pagamento das despesas (hoje o FII esta com despesa > receita).
 
26/05/2016 às 13:34
Nod e Bruno Gonçalves,
concordam então que não há como ter uma decisão sem as informações mais detalhadas sobre estes contratos?

De imediato mudei minha opinião: sou agora contra vender.
 
26/05/2016 às 14:19
Salompas,
Normalmente, o administrador só abre informações sobre contratos de fundos mono-imóveis em assembleia. Não mandam essas informações por e-mail ou coisa semelhante.
Entendo sua consideração e até a considero válida.
 
26/05/2016 às 14:54
Pessoal poderiam me ajudar a entender os próximos passos? Devemos vender ou espero o resto da tramitação da venda? Esse foi meu primeiro fundo mas se entendi bem acho que o negocio é ter ativos físicos ou ações. Pois se na baixa você pode ser lesado então vira uma grande problema querer investir em fiis para longo prazo.
 
26/05/2016 às 15:06
Esse é um prédio excelente. Trabalho no prédio de traz que faz parte do mesmo condominio e vejo quase todas Lajes locadas. Movimentação imensa de pessoas e claramente um belíssimo empreendimento. Esta super bem localizado. Quem conhece SP fica do lado da Vila Olímpia e na Berrini e está claramente subavaliado. Me soa a uma velha frase: quando a esmola e muita...
 
26/05/2016 às 15:12
Vai ter assembleia, vai haver votação.

Quem é de SP poderia participar e até votar.

Certamente quem tá comprando sabe desse desconto.
 
26/05/2016 às 22:00
tiagosam, compareça na Assembleia
Eu moro em outra cidade
Na questão que vc colocou não acredito tratar-se de ser leasado. Mas sim de uma decisão mesmo de momento dos acionistas.
Como o Nod já explicou: o Administrador não está vendendo. Está colocando em votação apenas uma proposta que pode ser ou não aceita pelos participantes.
Mas até pela seu conhecimento me parece que não é vantagem vender agora.
 
27/05/2016 às 10:06
Quando e onde vai ser a assembléia? Como comentei tem diversos inquilinos já no prédio. Um dos maiores que eu conheço é a PDG. Me parece que só faltam 3 andares para serem locados. Eu vou ver se consigo tirar uma foto e mando pra vocês.
 
27/05/2016 às 10:12
Srs, acho que o ideal é cada cotista enviar um questionamento à administradora sobre o valor oferecido ser MUITO baixo e em um momento não apropriado. Eu já mandei o meu questionamento.

Esse prédio demorou anos para ser alugado e agora está alugado, ainda que com carência.

Estamos numa crise geral profunda.

Moro e trabalho perto dessa região, que está lotada de lajes para alugar e ainda muitas serão entregues.

É justamente por esse motivo (péssima hora para venda de imóvel) que alguem está propondo comprar.

Notem, o valor oferecido não é 30% menos do que o lançamento, é MUITO menos, pois é preciso corrigir o valor durante os 4 anos. Estão oferecendo praticamente a metade do que custou ao fundo.
 
27/05/2016 às 10:35
Ron68,

O valor não está sendo ofertado pelo administrador, mas por alguém interessado em comprar.

Mesmo que o pretenso comprador queira comprar por R$ 1,50 e uma caixa de bala Juquinha, o administrador tem que levar a conhecimento da assembleia.

Cabe aos donos do fundo (os cotistas) a decisão de o valor é interessante ou não.
 
27/05/2016 às 10:49
Mas @NOD, eu não disse que a administradora quer comprar o imóvel. Em nenhum momento eu escrevi isso pois seria um absurdo.

Talvez voce possa esclarecer quando que a administradora deve levar à assembléia essas ofertas de compra do imóvel. Deve ter um critério. Eu não sei qual é.

De qualquer forma, acho importante pressionar a administradora de forma a mostrar que o valor ofertado é irrisório. Como voce mesmo vê, há vários cotistas, aqui mesmo, que têm dúvida, que não entendem que o que está sendo oferecido é muito pouco.

Acho que a administradora poderia sim esclarecer os cotistas no momento da convocação da eventual assembléia sobre os valores e sobre uma análise de mercado. Poderia atualizar valores, comentar sobre o valor pago corrigido e valor oferecido, vacância atual geral, perspectivas da economia etc.

Depois disso, sim, a assembleia decide.
 
25/05/2016 às 18:59
Rendimento
Alguém sabe o rendimento real por cota do fundo? Não encontrei nos relatórios. É possível calcular analisando os informes?
Ir p/ o Fim
 
25/05/2016 às 19:12
No momento, o fundo não tem receita, só despesa.
Portanto, a renda real é zero (ou negativa, dependendo da maneira como analisar).
 
25/05/2016 às 22:08
Obrigado Nod. Os valores dos alugueis dos andares locados não foram divulgados? É isso?
 
02/03/2016 às 08:20
THRA11B hoje (Março/2016)

É um FII mono imóvel, multi-inquilino, corporativo.

Imóvel novo, AAA, com certificado internacional, bem localizado, cujo a RMG acabou ano passado em Junho e desde então não vem distribuindo.

Seu relatório consta que está 70% ocupado com os locatários:

Cipasa Desenvolvimento Urbano S/A
International Paper
CEVA LOGISTICS LTDA
ERM Brasil Ltda

Lá no relatório diz que em 2018 ocorrerá revisional dos contratos em % da receita. Esse valor é 100%.

Ou seja, pelo que deu para entender, em 2018 é começarão de fato a pagar pela locação.

Os contratos vencem em:

2020 - com 55% da receita
2025 - com 45 % da receita

@Nod.RJ

Qual sua visão sobre o THRA11B?
Dois anos sem receita de locação e com carência mínima de 2 anos dos contratos?

Até lá os cotistas ficarão sem receber nada?
Ir p/ o Fim
 
02/04/2016 às 15:50
Segundo as últimas demostrações contábeis, há expectativa de início de receita em agosto/2016.
 
01/03/2016 às 20:34
Valor do m2 do THERA11B
Pessoal, a fim de aprendizado, por favor em ajudem se o pensamento está mais ou menos correto:

A Cyrela Commercial Properties (CCP) anunciou a venda da sua totalidade de participação no Thera Corporate por R$ 236 milhões. Vi pelo site da CCP que o THERA possui uma área privativa total de 28.359 m2 e a participação da CCP no empreendimento é de 12.725 m3, ou seja, 44%. Dividindo o preço da venda de R$ 236 mi / 12.725 m3= R$ 18.546/m2. Então este seria um valor aproximado do valor de mercado do m2 do THERA11 certo ?





Ir p/ o Fim
 
01/03/2016 às 21:50
aparentemente, está certo.
Mas e daí? Em quê isso ajuda?
 
02/03/2016 às 16:36
Nod, é simplesmente um parâmetro que pode ser usado na escolha de um FII assim como na escolha de ações, ou seja, não devemos usar um múltiplo isolado, mas vários em conjunto. Resumindo, o que importa mesmo é a qualidade o imóvel, a localização e a diversificação.
 
20/10/2015 às 21:38
Pergunta RI
Pergunta:
"Boa tarde, Gostaria de saber se os contratos de aluguel firmados até o momento possuem carência? Em caso positivo qual o tempo de carência para os aluguéis? Att."
Resposta:
"Prezado cotista,
Como existem outras negociações em andamento para o imóvel, não estamos divulgando detalhes sobre os prazos de carência dos contrato firmados.
De qualquer forma devemos divulgar uma estimativa de prazo para a primeira distribuição nos próximos relatório.

Atenciosamente,
BTG Pactual Serviços Financeiros S.A. DTVM"

Responderam em 1 dia
Ir p/ o Fim
 
20/10/2015 às 21:38
@salompas
 
21/10/2015 às 10:07
Muito obrigado, gustavostrit

Sinceramente pra mim é uma boa notícia pois sempre achei que havia vacância 100%

Se está parcialmente ocupado, e ainda está em negociação de outras locações, francamente qualquer coisa é melhor do que zeros na conta.

Claro que como sempre conversamos aqui, eu também diversifico bastante não estando portanto dependente apenas desta renda.

Na verdade, defendo a tese de que haja pelo menos 50 FIIs bons para se ter em carteira enquanto os analistas de um modo geral defendem cerca de 1 dúzia apenas.

Nestas horas quem diversifica mais sofre menos.
 
19/10/2015 às 10:03
Não estou entendendo esta não distribuição de rendimentos
"O objeto do Fundo será o imóvel THERA CORPORATE, edifício comercial corporativo com especificações de alto padrão, lajes de grande porte com 1.900 m² de área privativa, livres de pilares centrais, com 15 pavimentos, heliponto e 4 sub-solos totalizando 884 vagas.".

Uai, mas se o fundo possui tudo isto , por que não está pagando nada?

Ele não está conseguindo locar nenhum destes 15 pavimentos? ou está tendo algum problema com documentação ?

Alguém sabe de algo ?
Ir p/ o Fim
 
19/10/2015 às 12:42
@salompas o fundo não é dono do prédio inteiro apenas os andares: 3, 4, 16, 17 e 18.
Segundo último relatório o fundo está 60% locado, mas o aluguel tem carência.
 
19/10/2015 às 17:12
Gustavostrit, olhando melhor o relatório deu pra ver mesmo a ocupação de 60%
Mas também procurei sobre esta carência, algum comunicado de Fato Relevante, ou no relatorio, e não achei nada sobre quando começou ou quando vence esta carência.
 
20/10/2015 às 21:36
@salompas fiz uma pergunta para o RI, veja a resposta no post acima
 
29/08/2015 às 12:32
Encerramento da segunda emissão
 
24/08/2015 às 08:29
Proventos
Os desse mês já caíram, alguém sabe quando será atualizado?
Ir p/ o Fim
 
24/08/2015 às 12:29
Olá @brunoph!

Pelo que vi na aba "Proventos", está liberado os campos para qualquer um de nós atualizarmos os dados.

Abraços.
 
15/08/2015 às 17:27
+++ DISTRIBUICAO DE RENDIMENTO


FII BM THERA (THRA-MB)

DISTRIBUICAO DE RENDIMENTO

A BTG Pactual Servicos Financeiros, na qualidade de administradora do Fundo de
Investimento Imobiliario - FII Cyrela Thera Corporate, informa a distribuicao de
rendimento, conforme dados abaixo:

Data-base: 14/08/2015
Data do pagamento: 21/08/2015
Valor do rendimento por cota: R$ 0,66308692
Periodo de referencia: Junho/2015

A Administradora declara que o Fundo de Investimento Imobiliario podera se
enquadrar conforme o disposto no inciso III do Art. 3 da Lei 11.033/2004,
alterada pelo artigo 125 da Lei 11.196/2005. Para tanto, devera ser observado o
disposto nos incisos I e II do Paragrafo Unico do Art. 3 da referida Lei.

Norma: a partir de 17/08/2015 cotas ex-rendimento.
Ir p/ o Fim
 
15/08/2015 às 20:37
FII BM THERA (THRA-MB)
COMUNICADO AO MERCADO
Enviou o seguinte:
“FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO – FII CYRELA THERA
CORPORATE
CNPJ/MF nº 13.966.653/0001-71
Código CVM: 201-1
COMUNICADO AO MERCADO
A BTG PACTUAL SERVIÇOS FINANCEIROS S.A. DTVM, com sede na
Cidade do Rio de Janeiro, Estado do Rio de Janeiro,na Praia de Botafogo, nº
501 – 5º andar parte, inscrita no CNPJ/MF sob o nº 59.281.253/0001-23
(“Administradora”), na qualidade de administradora do FUNDO DE
INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO – FII CYRELA THERA CORPORATE, inscrito
no CNPJ/MF N.º 13.966.653/0001-71, código CVM nº 201-1 (“Fundo”), informa
a seus cotistas e ao mercado que em 21 de agosto de2015 efetuará a última
distribuição, pró-rata, no valor de R$0,66308692 por cota da Renda Mínima
Garantida (renda mensal locatícia garantida, correspondente a 0,75% das
cotas integralizadas), originalmente prevista para 15 de julho de 2015.
São Paulo, 14 de agosto de 2015.
Atenciosamente,
BTG Pactual Serviços Financeiros S.A.”
 
07/08/2015 às 23:38
Sem Rendimentos este mês
"FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIARIO - FII CYRELA THERA CORPORATE
CNPJ/MF n 13.966.653/0001-71

COMUNICADO AO MERCADO

A BTG PACTUAL SERVICOS FINANCEIROS S.A. DISTRIBUIDORA DE TITULOS E VALORES
MOBILIARIOS, com sede na Cidade do Rio de Janeiro, Estado do Rio de Janeiro, na
Praia de Botafogo, n 501 - 5 andar parte, inscrita no CNPJ/MF sob o n
59.281.253/0001-23 ("Administradora"), na qualidade de administradora do FUNDO
DE INVESTIMENTO IMOBILIARIO - FII CYRELA THERA CORPORATE ("Fundo"), informa a
seus cotistas e ao mercado, na presente data, que nao havera distribuicao dos
rendimentos, referente ao mes de julho de 2015, uma vez que houve o termino do
periodo de Renda Minima Garantida, e o Fundo nao auferiu receita no periodo.

A Administradora informa ainda que, enviara comunicado ao mercado, assim que
receber informacoes que alterem o presente cenario.

Sao Paulo, 07 de Agosto de 2015."

As informações desta seção foram cuidadosamente trazidas do site da BM&FBovespa, mas não nos responsabilizamos por nenhuma atitude tomada a partir delas. Erros podem acontecer e o conteúdo é direcionado ao aprendizado e troca de informações didáticas sobre os Fundos Imobiliários. Não indicamos compra ou venda de qualquer ativo de acordo com as informações contidas aqui.



Novidades para Hoje!

     

    O que você procura ?

    Últimos acessos

    Top 10 Bastter Rating

    Rating elaborado com base nos votos dos usuários.

    Últimas dos Grupos

    Grupos em Destaque

    Ver todos  

    Últimas das Ações

    Ver todas

    Monitor de Mercado

    Siga o Bastter

    Siga o Bastter no Twitter Siga o Bastter no Facebook Siga o Bastter no Youtube

    Patrocinadores

    Bastter Blue

    Bastter Blue Grátis!

    Livros



    Poker

    Quer aprender mais ?

    Anterior
    Proximo
    Mauricio Coutinho Hissa
    Certificado Nacional do Profissional de Investimentos (CNPI)
    Analista Fundamentalista - Certificado n 1716

    Bastter.com 2001 ©Todos os Direitos Reservados
    Todo o conteúdo deste site é propriedade da Bastter.com, sendo expressamente proibido o seu uso em sites, videos, cursos ou qualquer outro meio de comunicação meio sem autorização expressa do proprietário.